2.7.15

FOI ASSINADO O ACORDO COLETIVO DE TRABALHO DOS MARÍTIMOS DA NAVENOR  

Dr. Paulo Mário, Marcelo Portugal, Lenilton, Ventura, Paniagua, Sylvio e Batista Souto(foto reprodução) 

Aconteceu nesta quinta-feira, na sede do Sindicato Nacional dos Marinheiros, conhecido como Sindicato dos Marítimos, a assinatura do Acordo Coletivo de Trabalho com vigência para o período de 1º de fevereiro de 2015 até  31 de janeiro de 2016.

O ato de assinatura foi realizado às 10:00horas, no salão de reuniões do Sindicato Nacional dos Marinheiros, com a participação de Sylvio Maia, que representou  o Superintendente da empresa NAVENOR S.A. Milton Paniagua  e os representantes dos aquaviários de Areia Branca/RN.

As categorias marítimas, foram representadas, por Batista Souto, presidente do Sindicato dos Mestres de Cabotagem e Contramestres,  Francisco Ventura, Delegado representante do Sindicato Nacional dos Marinheiros e Sindicato Nacional dos Taifeiros e Culinários, e Lenilton do Vale, presidente do Sindicato dos Aquaviários de Máquinas/RN.

O reajuste salarial com data-base em 1º de fevereiro foi 7,7056%, gerando ganho real acima da inflação. Abaixo, a nova tabela:

TABELA SALARIAL



CATEGORIA
FUNÇÃO
SALÁRIO R$
MCB
Comandante
4.115,14
MCB ou CTR
Imediato
3.133,82
MNC
Marinheiro de Convés
2.466,64
MOC
Moço de Convés
1.949,95
MAC
Marinheiro Auxiliar
1.792,95
CDM
Chefe de Máquinas
3.741,10
MNM
Chefe de Máquinas
3.134,18
MNM
Marinheiro de Máquinas
2.814,32
MOM
Moço de Máquinas
2.213,67
MAM
Marinheiro Auxiliar
1.912,80
CZA
Cozinheiro
2.466,64


A diferença salarial, referente aos meses de fevereiro a julho, serão  quitados em contracheque em única parcela, conforme demonstrativo abaixo, no dia 05 de agosto:

VALORES DO RETRATIVO

CATEGORIA -FUNÇÃO
VALOR
MCB - Comandante
1.723,80
MCB/CTR - Imediato
1.310,94
Marinheiro de Convés
1.033,26
Moço de Convés
816,84
Marinheiro Aux. Convés
751,02
CDM
1.567,14
Marinheiro de Máq.(Chefe)
1.669,92
Marinheiro Máquinas
1.178,94
Moço de Máquinas
927,30
Marinheiro Aux.Máquinas
801,24
Cozinheiro
1.033,26



O Vale-Alimentação foi reajustado em 12%, passando atualmente para R$ 252,00, retroativo à fevereiro, cuja diferença será quitado em pagamento de  agosto.

Outra vantagem, é para o empregado que afasta-se da empresa por motivo de saúde. Dos atuais cinco meses, ele  continuará recebendo o Vale-Alimentação por até 06 meses.

Foi também reajustada  a faina para R$ 323,00, para os aquaviários que voluntariamente realizarem serviços de limpeza de porões das embarcações.

A Assistência Médica para os empregados e seus dependentes, contratando plano de saúde e seguro de vida continuará  à Hapvida.


Outras cláusulas referente a reajuste da limpeza de porão, gratificação por retorno de viagem, e gratificações  para os cozinheiros, que fizerem refeições extras, a diretoria da empresa prometeu fazer um levantamento e dentro de dois meses apresentar aos sindicatos marítimos de Areia Branca/RN

1.7.15

SERMAPRA, ANTONIO CARLOS E MARANATA SÃO AS PRÓXIMAS EMPRESAS QUE FECHARÃO ACORDOS COM OS SINDICATOS

Após a assinatura de Acordo Coletivo de Trabalho com a Navenor, os dirigentes sindicais irão apresentar as propostas de negociações com as empresas de navegação SERMAPRA, NACIONAL (Maranata) e ANTONIO CARLOS, nas mesmas condições do que foi negociado com a NAVENOR.
Francisco Ventura, Batista Souto e Lenilton do Vale, dirigentes dos Sindicatos Marítimos de Areia Branca, acreditam que até o próximo dia 10, todos os Acordos tenham sido fechados com a classe patronal.


NAVENOR E SINDICATOS ASSINAM ACORDO DE TRABALHO NESTA QUINTA-FEIRA

ASSINATURA DE ACORDO COLETIVO DE TRABALHO DOS MARÍTIMOS DA NAVENOR  SERÁ NESTA QUINTA-FEIRA

Acontecerá nesta quinta-feira, na sede do Sindicato Nacional dos Marinheiros, conhecido como Sindicato dos Marítimos, a assinatura do Acordo Coletivo de Trabalho com vigência para o período de 1º de fevereiro de 2015 até  31 de janeiro de 2016.

O ato de assinatura acontecerá às 10:00horas, no salão de reuniões do Sindicato Nacional dos Marinheiros, num encontro que reunirá representantes da empresa, NAVENOR S.A.  e os representantes dos aquaviários de Areia Branca. Maiores informações serão divulgadas após a assinatura do ACT.


Grupo que também incluía advogados, médicos e técnicos fraudou, pelo menos, 600 benefícios gerando prejuízo de R$ 12 milhões



Da Redação (São Paulo) – A Força Tarefa Previdenciária – composta pelo Ministério da Previdência Social, Polícia Federal e o Ministério Público Federal – desarticulou nesta quarta-feira (1º), em São Paulo, um grupo criminoso que fraudava a Previdência Social com auxílio de servidores públicos, advogados e profissionais da área da saúde. Foram afastados das funções no serviço público, sete peritos médicos e dois técnicos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A operação, intitulada “Trânsito” foi deflagrada em nove cidades do estado.
Durante a ação, foram cumpridos 44 mandados de busca e apreensão em residências, escritórios e Agências da Previdência Social em Barueri, Franco da Rocha, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Mongaguá, Osasco, Santana de Parnaíba e na capital do estado. Foram bloqueadas contas bancarias de 11 envolvidos, apreendidos R$ 310 mil em espécie e veículos.
As fraudes eram realizadas por intermediários, advogados, servidores públicos, peritos, ex-servidores públicos, médicos-assistentes, um técnico em gesso, um técnico em Raio-X e falsários. A ação criminosa consistia no engessamento de membros sem necessidade e apresentação de laudos médicos falsos para a obtenção de auxílio-doença e de benefícios assistenciais, como o Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC-LOAS).
O grupo foi responsável por fraudar, pelo menos, 600 benefícios previdenciários e assistenciais, gerando um prejuízo de cerca de R$ 12 milhões. Com a operação, estima-se que outros R$ 21 milhões deixarão de ser desviados da Previdência Social. Os investigados responderão pelos crimes de corrupção, estelionato previdenciário, falsificação, falsidade ideológica, inserção de dados falsos em sistema de informações e organização criminosa.


29.6.15





O ministro dos Portos, Edinho Araújo (PMDB), anunciou ontem que pretende retomar a licitação para dragagem do canal do Porto de Santos no próximo semestre. A concorrência, de R$ 300 milhões, tinha sido suspensa por uma liminar, que foi derrubada pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região na última segunda-feira (22).

Segundo o ministro, poderão participar empresas brasileiras e estrangeiras.


O serviço de dragagem a ser licitado prevê o aumento da profundidade do canal de navegação e das bacias de acesso aos berços de atracação, de 15 metros, em média, para 15,4 e 15,7. Os locais de atracação ficarão com uma fundura variando de 7,6 a 15,7 metros.

Antes de realizar essa obra, o vencedor da concorrência terá de elaborar os projetos básico e executivo (mais detalhado) do empreendimento.
CIAGA ABRE INCRIÇÕES PARA OS CURSOS DE EBGL E EBPQ DE 02 DE JULHO A 03 DE AGOSTO



O Centro de Instrução Graça Aranha (CIAGA), localizado no Rio de Janeiro, realizará os cursos de EBGL – Especial Básico de Navio Tanque para Gás Liquefeito, e EBPQ - Especial Básico de Produtos Químicos, ambos  com 44 horas de carga horária.

O curso destina-se a qualificar oficiais e subalternos com os padrões de competência e habilidades básicas exigidas conforme a Regra V/1-2 da Convenção Internacional sobre Padrões de Instrução.
Condições para inscrição:
Ser Aquaviários do 1º Grupo,com habilitação a partir do nível 3.
Não haverá Exame de seleção

Matrícula:
As vagas serão distribuídas da seguinte forma:

a) 20% pelos candidatos indicados por empresas de navegação em dia com a contribuição do FDEPM e que possuam Navios-Tanque.

b) 80% pelos candidatos avulsos com mais Tempo de Embarque, até o 1º dia de inscrição. Em caso de empate, terá prioridade o candidato com mais idade.

Sendo aprovado no curso, o aluno receberá Certificado de Conclusão de
Curso (DPC-1000) ou equivalente e certificado de Proficiência (DPC-1034), atestando estar devidamente qualificado com as competências definidas na Convenção STCW-78..

CURSO  EBGL –
Inscrições de 02/07/ a  03/08/2015  - CURSO - Curso  de 31/08/ a  09/09/2015
Inscrições de 16/07/2015 17/08/2015 Curso de 14/09/2015 a  22/09/2015
Inscrições 30/07/ a  31/08/2015 - Curso de 28/09/ a  06/10/2015

CURSO EBPQ -
Inscrições de 02/07/ a  03/08/2015  - Curso de 31/08/ a  10/09/2015
Inscrições de 16/07/ a  17/08/2015 - Curso de  14/09/ a  23/09/2015
Inscrições de 30/07/ a  31/08/2015 - Curso de 28/09/  a  07/10/2015



27.6.15

TÁBUA DE MARÉ – DOMINGO – 28 DE JUNHO

PRAIA DE UPANEMA - AREIA BRANCA/RN

MARÉ  BAIXA – 08:00  HORAS – ALTURA – 0.9

MARÉ ALTA – 14.06  Horas – ALTURA –2.8






NOVA APOSENTADORIA: VEJA PERGUNTAS E RESPOSTAS E TIRE SUAS DÚVIDAS
Esclareça as principais dúvidas para pedir a aposentadoria integral.
Cálculo progressivo exige pontuação maior com o passar do tempo.
Do G1, em São Paulo



fórmula que calcula o tempo mínimo para se aposentar mudou. Para conseguir 100% do benefício, é preciso atingir uma pontuação mínima, que é resultado da soma entre idade e tempo de contribuição, mais um valor que depende do ano da aposentadoria (veja mais detalhes abaixo).

O novo cálculo, já está em vigor, é uma alternativa ao fator previdenciário, que continua valendo, caso o trabalhador queira se aposentar antes, mas com um benefício menor.

Para o especialista em direito previdenciário Rodrigo Sodero, a fórmula fará com que a pessoa precise esperar mais tempo se quiser a aposentadoria integral. "A tendência é que até 2022 fique mais vantajoso optar pelo fator previdenciário, devido ao tempo de espera que vai aumentar substancialmente", diz.

VEJA PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O CÁLCULO PROGRESSIVO DA APOSENTADORIA:
SOU HOMEM, TENHO 36 ANOS DE CONTRIBUIÇÃO E 59 DE IDADE. POSSO ME APOSENTAR EM 2016 COM 100% DO BENEFÍCIO?

Sim, porque você atingiu a pontuação mínima de 95 (59 anos + 36 de contribuição), que é válida até o ano que vem. Você só não poderia se aposentar em 2016 se seu tempo de contribuição fosse menor que 35 anos ou a somatória dos pontos fosse menor que 95.

PARA ME APOSENTAR EM 2022, QUANDO TEMPO PRECISAREI CONTRIBUIR COM A PREVIDÊNCIA?

Quem se aposentar em 2022 precisará atingir 90 pontos se for mulher e 100 pontos se for homem. O tempo mínimo de contribuição continua o mesmo: 30 para mulheres e 35 para homens. Mas a idade deverá ser maior para atingir a somatória. As mulheres deverão ter 60 anos e os homens, 65
Veja como fica a aposentadoria pelo cálculo progressivo (Foto: Editoria de Arte/G1)
SOU HOMEM E COMECEI A TRABALHAR COM 18 ANOS. É MAIS VANTAJOSO ESPERAR ATÉ 2022 PARA ME APOSENTAR DO QUE OPTAR PELO FATOR PREVIDENCIÁRIO?

Segundo o especialista em direito previdenciário, Rodrigo Sodero, uma pessoa que começou a trabalhar com essa idade terá 59 anos e 41 de contribuição em 2022, se ela nunca parar de contribuir. Essa pessoa teria uma aposentadoria integral apenas 4% maior que o valor do benefício pelo fator previdenciário. Mas ela teria que esperar seis anos para obter esse benefício.

SOU MULHER, CONTRIBUÍ COM A PREVIDÊNCIA POR 30 ANOS, MAS AINDA TENHO 49 ANOS DE IDADE. QUANDO VOU PODER ME APOSENTAR?

Você já atingiu o tempo de contribuição mínimo para pedir a aposentadoria integral, mas precisa de mais seis pontos para atingir os 85 necessários. A cada ano, você ganha dois pontos se não parar de trabalhar (pelo seu aniversário, mais o ano de contribuição). Portanto, em três anos você atingiria 85 pontos. Mas em 2018, será preciso mais dois pontos para se aposentar, somando 87. Em 2019, ela terá 89 pontos, e consegue se aposentar, porque o mínimo será de 87 pontos.

SOU MULHER, TENHO 55 ANOS, MAS TRABALHEI POR 25 ANOS. EM QUE ANO POSSO ME APOSENTAR?

Hoje você soma 80 pontos. Você precisa de mais cinco anos de contribuição para atingir o mínimo de 30 anos de trabalho para as mulheres. Em 2020, a regra pedirá a somatória de 88 pontos para ter direito a 100% do benefício. Você terá 90 pontos (mais cinco anos da idade e cinco de contribuição) e poderá se aposentar a partir deste período.

PELA NOVA FÓRMULA, VOU TER QUE TRABALHAR ATÉ OS 85 ANOS PARA ME APOSENTAR?

Não. Na nova regra, o tempo de contribuição somado à idade deve ser igual a 95 para os homens e 85 para as mulheres – o que não significa a idade para se aposentar. Por exemplo: um homem de 60 anos que contribuiu por 35 anos chega ao total de 95. Nesse caso, ele já poderia pedir a aposentadoria integral sem cair no cálculo do fator previdenciário e receber o teto da previdência, que hoje é de R$ 4.663,75.

No caso dos professores, a proposta prevê que a soma deve ser de 80, para mulheres, e 90, para homens.

25.6.15

CURSO EBCP TURMA 06/2015 COMEÇOU NESTA QUINTA-FEIRA EM AREIA BRANCA

A Agencia da Capitania dos Portos do Rio Grande do Norte, em Areia Branca, iniciou nesta quinta-feira, o curso EBCP Turma 06/2015. Os 30 marítimos inscritos participantes do curso, foram selecionados através dos critérios determinados pela DPC – Diretoria de Portos e Costas. 50% das vagas para Candidatos indicados, em ordem de prioridades, pelas empresas de navegação e 50% por candidatos com mais tempo de Embarque na carreira, até o presente dia da inscrição.

Nesta quinta-feira, os candidatos participaram de aulas teóricas e práticas com  o tema “Conscientização Sobre Proteção de Navio”, com carga horária de 12h/A, ministradas por instrutores da Marinha do Brasil.

Nesta sexta-feira, dia 26, os participantes serão submetidos a uma prova escrita e os aprovados receberão o Certificado de Conclusão de Curso (DPC-1000),  e  Certificado de Proficiência (DPC-1034) atestando estar devidamente qualificado com as competências definidas na Convenção STCW-78.

O principal propósito do curso, é qualificar os aquaviários do 1º Grupo – Marítimos, exceto Marinheiro Auxiliar de Convés e de Máquinas, para cumprirem as medidas estabelecidas no Plano de Proteção do Navio.


24.6.15

CODERN É BEM AVALIADA PELA ANTAQ NO ÍNDICE DE DESEMPENHO AMBIENTAL

]


A Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) acaba de divulgar o Índice de Desempenho Ambiental (IDA) referente ao 2º Semestre de 2014. O IDA é instrumento de acompanhamento e controle de gestão ambiental em instalações portuárias que permite quantificar e simplificar informações de forma a facilitar o entendimento do público e de tomadores de decisão acerca das questões ambientais portuárias.


Em meio a informação, a boa notícia é que a Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN), responsável pela administração dos Portos de Natal (RN) e Maceió (AL), além do Terminal Salineiro de Areia Branca, atingiu a média geral 63,73 - ficando colocada em 9º lugar no ranking nacional do IDA.

O presidente da CODERN, Emerson Fernandes, comemora a boa notícia e afirma que a Companhia continua preocupada com as questões ambientais, atendendo a legislação, oferecendo segurança ambiental aos clientes e contribuindo com o crescimento do Rio Grande do Norte:

“O Porto de Natal e o Terminal Salineiro de Areia Branca integram a infraestrutura necessária para contribuir com o desenvolvimento econômico do Rio Grande do Norte e até mesmo do país. A qualidade dos serviços portuários assegura a eficácia do atendimento aos nossos usuários e clientes”.

23.6.15

AGÊNCIA DA CAPITANIA DOS PORTOS EM AREIA BRANCA DIVULGA RELAÇÃO DOS CANDIDATOS CLASSIFICADOS PARA O CURSO EBCP TURMA 06/2015


Agente dos Portos/RN, Capitão Adroaldo anuncia relação de candidatos




CLASSIF.

NOME
                                                 CAT.
             EMP./TEMPO
ROGERIO TERTULIANO DA SILVA
CDM
SERMAPRA
ANTONIO VALDEIR DE SOUZA
MNM
SERMAPRA
FLAVIO SOMBRA BASILIO

MCB
BSCO NAV.
FRANCISCO HUMBETO DA SILVA
CZA
SERMAPRA
CLEBER SOUTO FERREIRA
MNM
SERMAPRA
EVERTON LEANDRO DE LIMA  

MNM
 NACIONAL
JOSUE GOMES FAGUNDES
MNM
SERMAPRA
JOAO LOPES DO VALE NETO
CZA
SERMAPRA
MARCILIO BERNAR SARAIVA DA SILVA
ELT
CBO OFSHO
10º
10º LUIZ ANTONIODE SOUZA
MNC
SERMAPRA
11º
11º JOSE SEVERIANO PEREIRA DE ARAUJO
CDM
SERMAPRA
12º
ITALO ROBERTO DA
CTR
SIEM OFFSHO
13º
UZIEL VIEIRA DE QUEIROZ
MNC
ACAMIM NAV
14
PAULO BATISTA DA SILVA
MNC
SOLSTAD
15º
ELI CARLOS REBOUÇAS DE FREITAS
MNM
CBO OFSSH
16º
ALCIONE MATIAS DA COSTA
MNC
HB NAV
17º
LIDENBERG FERREIRA SOUZA
MNC
20A,05M,16D
18º
CARLOS ANTONIO MONTEIRO  

CDM
18A,10M,18D
19º
CARLOS ANTONIO BARBOZA
MNC
14A,09M, 15D
20º
MARIO ILO DE SOUZA
CDM
10A,05M,05D
21º
ADILTON FERNANDES DA SILVA
MNC
07A,11M,14D
22º
JEAN MEDEIROS COSTA
CTR
07,01M, 11D
23º
AMARILDO DE SOUSA LEMOS
CDM
06A,07M,19D
24º
ANTONIO FILGUEIRA DOS SANTOS
CDM
06,05M,18D
25º
EMILSON DA SILVA MELO
MCB
05,04,19D
26º
ANTONIO SOUZA DE ANDRADE
MNM
04A,11M,01D
27º
ALDEMAR CRISTINO DANTAS
MNC
03A,10M,24D
28º
JOSE GUARDIÃO FILHO
MCB
03A,09M,26D
29º
GUILHERME LINDOMAR DE
MNC
03A,04M,19D
30º
RAIMUNDO FERREIRA DE BRITO CDM 182P2001006981
CDM
03A,02M,21D



RELAÇÃO DOS CANDIDATOS RESERVAS




CLASSIF
NOME
CAT
EMP/TEMPO

FRANCIBERG FERREIRA DOS PASSOS
MNM
03A,02M,04D
SIMONE BARBOSA DA SILVA
MOC
02A,11M,29D
 JAIRTON DA SILVA FALCAO
MNC
92A,09M,15D
RANIELLE ALVES FERNANDES DE SOUZA
MNM
02A,07M,15D
ATALICIO FONSECA DO NASCIMENTO
MNC
02A,06M,18D
RHANIERY GLEYDSON DE MOURA
MNM
02A,04M,05D
LEONARDO DUARTE REBOUÇAS
CDM
02A,01M,11D
FRANCISCO ROBERTO B. DE ARAUJO

MNC
02A,00M,18D
JOSE WILSON DE LIMA
MOM
02A,00M,13
10º
WESLEY PAIVA DE SOUZA
MNM
01A10M,13D
11º
NILO SEBASTIAO DA SILVA
MNC
01A,09M,15D
12º
MANOEL GONZAGA FILHO
MNM
01A,08M,07D
13º
JOSE ANTONIO DA SILVA JUNIOR
MNM
01A,06M,04D
14º
JEAN JEFERSONDA SILVA ENF
ENF
01A,03M,09D
15º
JAIR DA SILVA COSTA MNC
MNC
01A,01M,29D
16º
FERNANDO HARISON DE SOUZA MELO
MNM
01A,01M,06D
17º
DANIEL PAZ DA COSTA
MOC
00A,02M,24D
18º
PAULO ANDRE DE SOUZA
CZA
00A,01M,24D
19º
ALDO ANTONIO FELIX SOBRINHO
TAA
ZERO

AS VAGAS FORAM PREENCHIDAS OBEDECENDO AS PRIORIDADES DE ACORDO COM O ITEM 28.5 DO PREPOM AQUAVIÁRIOS/2015  DO PREPOM
A)Candidatos indicados, em ordem de prioridades, pelas empresas de navegação;
B)Candidatos com mais tempo de Embarque na carreira, até o presente dia da inscrição.
OBSERVAÇÃO:
01)Os candidatos deverão se apresentar na AgABranca às 07:30h do dia 25 de Junho de 2015 (Quinta-feira) para início do Curso.
02) O não comparecimento do candidato classificado no dia e hora determinados implicará na substituição do candidato por candidato reserva.
ADROALDO AMORIM COELHO
 Capitão-Tenente (T) Agente