4.5.15

INSCRIÇÕES PARA A CATEGORIA DE CONDUTOR DE MÁQUINAS COMEÇA EM JUNHO

CURSO DE ADAPTAÇÃO PARA AQUAVIÁRIOS SEÇÃO DE MÁQUINAS (CAAQ-I-MM) -  CONDUTOR DE MÁQUINAS


Destina-se a técnicos indicados por empresas de navegação para adaptá-los ao Grupo de Marítimos, Seção de Máquinas, Área de Concentração: Máquinas, na categoria de Condutor de Máquinas (CDM).

O curso será realizado no  Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar – CIABA, em Belém e serão ofertadas  25 vagas.  e-mail: secom@ciaba.mar.mil.br.

INSCRIÇÕES -  01 de junho  a 12 de junho de 2015

PERÍODO DO CURSO – 17 de agosto a  04 de dezembro de2015
Serão ofertadas  25 vagas

CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO

Possuir educação profissional técnica de Nível Médio, reconhecida pelo Ministério da Educação, com um dos cursos abaixo relacionados: -

Técnico em Construção Naval
Técnico em Fabricação Mecânica
Técnico em Eletromecânica
Técnico em Máquinas Navais
Técnico em Mecânica
Técnico em Metalurgia
Técnico em Manutenção em Aeronaves
Técnico em Mecatrônica


Matrícula As vagas serão preenchidas pelos candidatos indicados em ordem de prioridade estabelecida por empresas ou entidades representativas da Comunidade Marítima.  
ALUGUMAS NOTAS DA REVISTA UNIFICAR

PARA PRATICANTES ... para a maioria das empresas que atuam no offshore, que este ano aumentaram significativamente o número de vagas para Praticantes em suas embarcações, absorvendo assim os jovens Oficiais que estão saindo das Escolas e precisam praticar para se formarem.

SINUCA DE BICO ... para a ex-toda poderosa Transpetro, que insiste em continuar praticando o regime de trabalho 2x1, enquanto a quase totalidade das empresas de navegação que operam na Cabotagem brasileira, com exceção de uma ou outra “pirangueira”, já tem em seus Acordos Coletivos de Trabalho o regime 1x1.


CORTINA DE FUMAÇA ...
Para o mistério e falta de transparência que cercam o acidente ocorrido em 11 de fevereiro de 2015, com o navio-plataforma FPSO Cidade de São Mateus, operado pela BW Offshore e afretado à Petrobras, que, com nove mortos, é o terceiro maior incidente da área de Exploração e Produção offshore ocorrido no País e que, pelo jeito, está longe de ser solucionado e de ter alguém responsabilizado.

ÁGUA ABERTA E CASCOS SOÇOBRADOS ...
Para os questionamentos, dúvidas e inquietações que atingem, de forma direta ou indireta, o PROMEF (Programa de Expansão e Modernização da Frota), em função dos atrasos nas entregas das embarcações e possíveis ligações com a Operação Lava-Jato.

REMANDO CONTRA A MARÉ ...
Para as empresas Lyra e Posidonia, que atuam na Cabotagem brasileira e relutam em adotar o regime de trabalho x repouso na proporção 1x1.

TEMPO DE EMBARQUE ESGARÇADO ... Para a empresa dinamarquesa Maersk, que insiste em não cumprir o tempo de embarque de 28 dias embarcado, por 28 de descanso, estabelecido no último Acordo Coletivo de Trabalho, que segue em vigor desde 2010, e determina que este tempo seja de, no máximo, 28 dias.Parte inferior do formulário



SINDMAR DEFENDE VAGAS DE PRATICAGEM PARA JOVENS OFICIAIS QUE ESTÃO SE FORMANDO


O Ministério do Trabalho e Emprego está batendo forte nas empresas de navegação que operam em águas brasileiras, cobrando o cumprimento da RN 72, que defende as vagas para os Oficiais Mercantes brasileiros nas embarcações de bandeira estrangeira que operam no País.

Mas existe um prazo legal para o cumprimento da Resolução Normativa. Então, o SINDMAR teve uma grande ideia: aproveitar este prazo e criar vagas de Praticagem para os jovens que estão se formando e precisam de vagas para praticar

3.5.15

CONSTRUÇÃO DO BERÇO 4 DE ATRACAÇÃO









A Companhia de Docas do Rio Grande do Norte (Codern) abriu processo para contratação de empresa ou consórcio para a construção do Berço 4 do Porto de Natal, do atracadouro  para pesca artesanal e do sistema de “defensas” na Ponte Newton Navarro.

O processo licitatório deveria ter sido aberto no ano passado, mas com o atraso nas obras do Terminal de Passageiros do Porto de Natal, o projeto foi adiado para este ano.

O valor estimado dos projetos é de R$ 275.654.055,26 e foi adotado o Regime Diferenciado de Contratação (RDC), que é diferente das licitações usuais por ser um processo menor burocrático e que prioriza a abertura das propostas técnicas e de preços para depois avaliar a habilitação jurídica da empresa concorrente.
Valor estimado do projeto é de mais de R$ 275 milhões

A licitação será realizada de forma eletrônica. De acordo com o edital, o prazo para a entrega das propostas é no dia 21 de maio de 2015, às 10h, mesma data e hora estimada para a abertura da sessão eletrônica.

As empresas ou consórcios interessadas em participar do processo poderão fazer visitar técnicas nas áreas destinadas para as obras.
O edital e anexos do projeto estão disponíveis no site www.codern.com.br.

O financiamento dos recursos será feito pelo Governo Federal, através das Secretaria de Portos da Presidência da República.
A previsão é que as obras tenham duração de, no mínimo, 32 meses. O contrato com a empresa responsável pela obra deverá durar o mesmo tempo estimado para a conclusão da obra.

A Codern espera que a ampliação de 220 metros do cais do porto e a liberação de aproximadamente sete mil metros quadrados com a relocação de famílias da Comunidade do Maruim, a área do Porto de Natal seja ampliada em 18 mil metros quadrados. Com isso, deverá ser ampliado o volume de exportação de produtos, como frutas, além da garantia de novos negócios.

PONTE NATAL/REDINHA



Vão central da ponte, onde serão colocados defensas nos pilares


Já a colocação de defensas nos pilares da Ponte Newton Navarro seria de responsabilidade do Governo do Estado, porém a Codern assumiu as obras para não perder oportunidades de negócios. Atualmente, os grandes navios só podem deixar o Porto de Natal durante o dia, já que existe o risco de colisão com os pilares. As defensas são estacas de proteção dos pilares, que impedem a colisão destes com os navios.

Vão central da ponte, onde serão colocados defensas nos pilares


2.5.15



A lancha Pontal, que presta serviços à Agencia da Capitania dos Portos em Areia Branca, naufragou na manhã deste sábado, no leito do rio Ivipanim. Segundo informações, o barco estava atracado no Cais da Marinha, quando afundou. O agente da Capitania, Capitão-Tenente Adroaldo Amorim,  informou que  a embarcação passará por uma pericia técnica para avaliar as causas do sinistro.

HISTÓRICO DA LANCHA
Lancha com tripulantes em atividades no rio Ivipanim


No mês de março de 1982, a agência da Capitania dos Portos em Areia Branca, recebia da Diretoria de Hidrografia e Navegação da Marinha de Guerra, sediada no Rio de Janeiro, a lancha de prefixo CAMR/361 de cor padronizada cinza e com 15 metros de comprimento.

A lancha é lotada por quatro tripulantes. O então agente, tenente José Granjeiro, comandou a viagem da lancha do porto de Natal até o Caís Tertuliano em Areia Branca entre os dias 9 e 10.

A lancha é destinada ao serviço de balizamento do litoral de Areia Branca, Macau e Natal e servia também para dar apoio à polícia naval que atua na costa litorânea região da Costa Branca.
Fonte: Portal Costa Branca e informações do livro “A História Marítima de Areia Branca”.



1.5.15

PARABÉNS A TODOS PELO DIA DO TRABALHO!

Nesse primeiro de maio o mundo inteiro comemora o Dia do Trabalho!

EMPRESA CONTRATA ENGENHEIRO OU TÉCNICO DA ÁREA DE PETRÓLEO PARA TRABALHAR EM AREIA BRANCA/RN

EMPRESA  QUE ATUAL NO RAMO DE EXPLORAÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL EM AREIA BRANCA, ESTÁ SELECIONANDO CANDIDATOS PARA O PREENCHIMENTO DE VAGA COM AS SEGUINTES QUALIFICAÇÕES:


Técnico ou Engenheiro, em alguma  das áreas: 

Mecânica, Eletricidade, Produção de Óleo e Gás, Química ou Petróleo, com experiência mínima comprovada de 5 anos na coordenação de operações associadas com a produção e tratamento de petróleo, compressão e envio de gás por gasoduto, injeção de água para recuperação melhorada. 

Necessário conhecimento e experiência na aplicação do Regulamento Técnico de Medição Fiscal. Possuir boa relação interpessoal e gerenciamento de pessoas. Desejável bom nível de Inglês.


Os interessados deverão enviar o currículo para o endereço jribeiro@centralresources.com.br até o dia 05 de maio de 2015.

30.4.15

FILHOTE DE PEIXE-BOI É RESGATADO EM PRAIA DE PORTO DO MANGUE

Um filhote de peixe-boi foi encontrado por pescadores na praia do Rosado, em Porto do Mangue-RN na manhã do dia 28.  O animal mede 1,40m, pesa aproximadamente 70 quilos e é macho.
De acordo com o que divulgou o professor Dr. Fávio Lima que é  coordenador do Projeto Cetáceos da Costa Branca (PCCB), que realiza o monitoramento ambiental na localidade, o mamífero foi atendido ainda no local do encalhe e transportado para a base de recuperação em Areia Branca-RN.
Momentos depois do encalhe, uma equipe de monitores do PCCB realizou monitoramento na área na tentativa de localizar a genitora do peixe-boi para tentar introduzi-lo no seu habitat, o que não foi possível.

PCCB/UERN, executor do PMP da Bacia Potiguar, uma condicionante do IBAMA para as atividades de exploração e produção de petróleo e gás na Bacia Potiguar.
Fonte: Vozdeareiabranca/Carlos Júnior
GRUPO SCHAIN PEDIU RECUPERAÇÃO JUDICIAL  E DEMITIU 700 FUNCIONÁRIOS EM SÃO SEBASTIÃO


Grupo Schain Engenharia envolvido nas investigações da Operação Lava a Jato demitiu 700 funcionários em São Sebastião, no litoral norte de São Paulo. Os trabalhadores reclamam que, após quase um mês, ainda não receberam os direitos-trabalhistas.
O grupo Schain Engenharia foi contratado no litoral norte pela empresa Modek para construir módulos e parte de plataformas para a Petrobras.
A empresa Schain Engenharia não quis se pronunciar sobre as demissões. A Modek – empresa contratada pela Petrobras e que terceirizou o serviço do Grupo Schain, disse que fez todos os pagamentos à ela. A empresa disse ainda que está decidindo internamente como vai continuar o trabalho

LAVA JATO: SCHAIN PARALISA OPERAÇÕES COM A PETROBRAS

Funcionários da empresa Schahin fizeram uma manifestação em frente ao prédio da Câmara Municipal de São Sebastião, solicitando a intervenção dos vereadores junto à diretoria para que possam garantir o recebimento dos salários.

A operadora de sondas de perfuração Schahin Óleo e Gás comunicou à Petrobras na última quinta-feira que precisa interromper a atividade em cinco equipamentos que estão sendo usados pela estatal.

“Deste modo, a Petrobras e a Schahin estão planejando a paralisação das atividades de forma segura. A Petrobras está avaliando as medidas contratuais cabíveis”, informou a estatal em comunicado oficial, que destaca que a paralisação das sondas é temporária.

A Schahin está na lista de empresas investigadas pela Polícia Federal, na Operação Lava Jato, por uma possível participação em um esquema de corrupção envolvendo a estatal e fornecedoras.

Por causa das investigações, a Schahin passou a compor a lista de empresas impedidas de negociar com a Petrobras, em março deste ano. Como consequência, assim como outras empreiteiras que prestam serviços à indústria de petróleo e gás, passa por dificuldades financeiras.

Há quem a coloca como a próxima da fila das companhias envolvidas na Lava Jato que entram com pedido de recuperação judicial.

A companhia tem uma dívida de 4,5 bilhões de dólares. A empresa de óleo e gás tem um fluxo grande de receitas no longo prazo, mas para este ano o descasamento entre receita e dívida está em 1 bilhão de dólares
Já fizeram o pedido de recuperação: as construtoras OAS, com dívida de 8 bilhões de reais, Galvão Engenharia (1,6 bilhão de reais) e Alumini Engenharia (1 bilhão de reais) e as fornecedoras de equipamentos Iesa (3,5 bilhões de reais), do grupo Inepar, e Jaraguá Equipamentos (700 milhões de reais).
Fonte: Estadão Conteúdo


28.4.15

 NAVIO ATRACA NO PORTO DE NATAL COM EQUIPAMENTOS EÓLICOS





O Navio "Industrial Grande"  atracou no Porto de Natal no final da tarde desta terça-feira (28), vindo de Washington (EUA), trazendo equipamentos eólicos. 

Do Rio Grande do Norte, o Navio seguirá com destino a Bahia.

O navio entrará em operação no Porto de Natal para descarregar os equipamentos somente nesta quarta-feira (29), às 09h.

Atualmente, o Rio Grande do Norte é responsável pela maior produção de energia eólica do Brasil, pouco mais de 30% do total. 

O Estado possui 67 parques eólicos, que produzem comercialmente 1,79 gigawatts de energia, segundo levantamento do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energias Renováveis (Cerne).









27.4.15

NAVIO-VELEIRO “CISNE BRANCO” FICA  NO PORTO DE NATAL ATÉ ESTA TERÇA, 28, ABERTO À VISITAÇÃO


Cais do Terminal de Passageiros de Natal


Veleiro recebe visitas

Ao lado do Marinheiro, Edilma, ou  Nenova para os amigos, esposa do prático Jairo Josino.

Nenova no  comando do timão
Visitantes no cais do Terminal

O Navio-Veleiro “Cisne Branco” da Marinha do Brasil atracou no porto de Natal no sábado, 25 e estará aberto à visitação pública até o dia 28, terça-feira , nos horários entre 14h e 17h. A entrada é gratuita.

A sua missão é representar o Brasil em eventos náuticos nacionais e internacionais, divulgar a mentalidade marítima na sociedade civil e preservar as tradições navais.

O Navio-Veleiro “Cisne Branco” zarpou do Rio de Janeiro no dia 16 de março para uma viagem de seis meses, na qual representará o Brasil no evento “Tall Ships Race 2015″. 

Nesta terça-feira, 28, o veleiro Cisne Branco, sairá do porto de Natal com destino ao porto de Belém (Brasil), San Juan (EUA), Norfolk (EUA), Ponta Delgada (Portugal), Belfast (Irlanda do Norte), Aalesund (Noruega), Kristiansand (Noruega), Aabolrg (Dinamarca), Bordeaux (França), Las Palmas (Espanha), Recife (Brasil) e Vitória (Brasil).


         

26.4.15

FATO HISTÓRICO DO DIA 27 DE ABRIL


1521 - Morre Fernando de Magalhães, navegador português que realizou, a serviço da Espanha, a primeira expedição ao redor do mundo.

25.4.15

CIABA SELECIONA  TRÊS MESTRES DE CABOTAGEM DE AREIA BRANCA PARA CURSO DE ACESSO A 2º OFICIAL DE NAÚTICA
Heráclio, Augusto, e Ítalo em Belém. Futuros Oficiais de Náutica

Já estão em Belém três areia-branquenses que foram selecionados pela Marinha do Brasil, através do CIABA – Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar. 

São eles os Mestres de Cabotagem: Augusto César de Oliveira Dantas, Heráclio Araújo Lima e Sena e Ítalo Oliveira do Nascimento.

Eles foram classificados por indicação de empresa, para realizarem o ACON-B- (Curso Especial de Acesso a 2º Oficial de Naútica).

O curso tem duração de oito meses. Começa nesta segunda-feira, 27, e será concluído em dezembro do corrente ano.

Aos amigos Heráclio, Ítalo e Augusto, os parabéns do nosso blog e boa sorte na missão a ser cumprida nos próximos meses.


São novos areia-branquenses competentes, que galgam postos elevados na hierarquia da Marinha Mercante brasileira. 
NAVIO-VELEIRO “CISNE BRANCO” ATRACA NO PORTO DE NATAL E SERÁ ABERTO À VISITAÇÃO

"Cisne Branco" foi construído baseado na ideia de que tivesse todos os sistemas de tecnologia avançada









O Navio-Veleiro “Cisne Branco” da Marinha do Brasil atracou  no porto de Natal neste sábado (25), às 9h, e estará aberto à visitação pública nos dias 26, 27 e 28 de abril, nos horários entre 14h e 17h. A entrada é gratuita.
A sua missão é representar o Brasil em eventos náuticos nacionais e internacionais, divulgar a mentalidade marítima na sociedade civil e preservar as tradições navais.
O Navio-Veleiro “Cisne Branco” zarpou do Rio de Janeiro no dia 16 de março para uma viagem de seis meses, na qual representará o Brasil no evento “Tall Ships Race 2015″.
Ao todo serão visitados sete portos nacionais e nove portos estrangeiros: Itajaí (Brasil), Santos (Brasil), Salvador (Brasil), Natal (Brasil), Belém (Brasil), San Juan (EUA), Norfolk (EUA), Ponta Delgada (Portugal), Belfast (Irlanda do Norte), Aalesund (Noruega), Kristiansand (Noruega), Aabolrg (Dinamarca), Bordeaux (França), Las Palmas (Espanha), Recife (Brasil) e Vitória (Brasil).

Com 76 metros de comprimento, 32 velas e 51 tripulantes, tem capacidade de embarcar até 31 tripulantes em treinamento. A concepção de construção e emprego de um navio de treinamento mudou consideravelmente, principalmente devido aos avanços de tecnologia e sofisticação nos navios de guerra.